terça-feira, 16 de junho de 2009

Todo mundo sabe onde fica o clitóris?

terça-feira, 16 de junho de 2009
Por Mari Mello

Todo mundo sabe onde fica o clitóris, certo? Errado!
É impressionante a quantidade de pessoas sexualmente ativas que não sabe onde fica o clitóris. Ou melhor, nem sabe o que é o clitóris. Até é compreensível entender se não souber onde fica o ponto G, mas o clitóris… Aí já é demais!
Depois de uma aula de anatomia feminina dada por Miríade (O Corpo Feminino – Decifrando esse Enigma) creio que não preciso me debruçar muito sobre esse assunto.
Hoje, falarei apenas do clitóris!

O famoso clitóris. Aparentemente, o clitóris não tem nenhuma função na genitália feminina a não ser dar prazer. Fomos privilegiadas. A mãe natureza nos deu um órgão que tem somente a função de nos dar prazer. Somos especiais, acompanhadas ou não… O clitóris é um grande amigo, confidente e sempre prestativo.

Essa parte minúscula, sensível e gostosa da anatomia feminina, que muitos (homens e mulheres) tendem a esquecer na hora do sexo, é nada mais, nada menos, que uma caixinha cheia de sensações para o prazer e a realização sexual da mulher. Ele exige carinho e sensibilidade, gosta de ser tratado com delicadeza e dedicação… Se você seguir esses conselhos, terá o melhor resultado de sua parceira e também sua satisfação sexual.

Infelizmente, o clitóris teve momentos difíceis até chegar aos dias de hoje. O caminho percorrido desde sua descoberta foi tenebroso e em muitos países do mundo ele ainda é visto com certa displicência. Não podemos deixar de mencionar que o tabu sobre o sexo em geral é uma realidade em muitos países onde a circuncisão feminina ainda acontece nos dias de hoje. Na própria história da medicina, antigamente os cientistas nem davam tanta importância ao clitóris, considerando-se que não era “digno” de ser pesquisado por não se saber exatamente qual era a sua função no corpo da mulher… Hoje, a ciência reconhece muito bem a funcção do clitóris. Sabe também que seu tamanho é maior do que o que vemos, que suas terminações nervosas se estendem até a bexiga e que ele se assemelha a um pênis não desenvolvido. Sim, um mini-pênis feminino!(Observe-o com cuidado, detalhadamente e você verá). O pênis e o clitóris são originados do mesmo tecido fetal.

Algumas mulheres têm um “grelão” e outras um “grelinho”, mas isso não importa. O que interessa é o prazer que o dito cujo nos proporciona. Tirem proveito no tamanho que vier, que só melhora na hora H.

A mulher com lábios genitais maiores geralmente tem a sensibilidade mais acentuada e sua parceira pode aproveitar ao máximo essa característica para proporcionar mais prazer a sua companheira. O gostoso mesmo é afastar os lábios vaginais com os dedos ligeiramente umedecidos ou com a língua e procurar o caminho que vai dar às “Índias” (risos). Com certeza, as especiarias que irá encontrar serão do seu agrado e do dela também. (risos)

O clitóris pode ser acariciado com os dedos ou com a língua, ou da forma que sua imaginação permitir. A mulher que recebe esse prazer sente um turbilhão de sensações que pode levar ao orgasmo – o orgasmo clitoridiano. O clitóris fica ereto e sensível ao toque, anunciando a chegada da descarga elétrica mais gostosa que existe.

Para as mulheres, a combinação clitóris-clitóris, também chamada tribadismo, é sublime! (Ahhh… Que delícia!) Para algumas mulheres, essa é a posição preferida. Dar prazer dessa forma a uma mulher não somente deixa ambas intimamente “ligadas”, como também proporciona mais conexão emocional do que qualquer outra posição entre mulheres na hora da relação amorosa.

A variação do clitóris-coxa, clitóris-língua-lábios… (Delícia…) Deixa qualquer mulher maluca de desejo, principalmente quando ambas conseguem encontrar o “encaixe certo”.

Apesar do clitóris ser esse aliado incontestável da mulher na hora da transa, não adianta nada tentar concentrar-se somente nele e negligenciar o resto do corpo. A mulher é um ser emocional e tudo tem que estar sinergicamente conectado. Não adianta tocar ou massagear sem tato e delicadeza. Ele não funciona assim. Tudo tem que ser com muito jeitinho e carinho que só vai fazer muito bem na performance. Quando a mente não quer, o corpo não dança!

Acredito que já aconteceu com muitas isso de sentir aquele tesão e, na hora… cadê o orgasmo?! A sensação do gozo não chega e não podemos fazer nada. (Putz! Frustração!)
Mas… Não resta nada a fazer a não ser dar uma relaxada e tentar mais uma investida, com uns beijinhos, amassos, umas “mudanças geográficas”, um pouquinho mais de levinho. Use e abuse da criatividade, mas vale ressaltar que quem tem muita sede não deve ir com muita rapidez ao pote. Pode estragar tudo… Muita calma nessa hora, menina!

Quer uma dica? Explore ao máximo o clitóris, tocando-o, acariciando-o, deixando-o inflamado de desejo e excitação. Use a língua umedecida, lábios, farte-se de beijá-lo com beijos molhados e apaixonados. Sua amada vai adorar essa carícia tão delicada e profunda.

Aproveite, menina!

10 comentários:

Mallika - Bolacha Recheada disse...

Oooooh, delícia.
O texto é informativo com toques pessoais. Técnico-educativo, pero sin perder la ternura jamás.
....
E o clitóris é mesmo um grande amigo. O meu, nem tanto, mas o das hienas... já viu? Mais de 10 centímetros!!!!!!
Ô, lá em casa!

Viviane disse...

Pior que e verdade
absurdo a mulher nao saber..o homem tudo bem a gente ensina, mas mulheres...acorda seculo novo, liberalismo, liberdade de expressao..vamos acordar e saber tudo o que podemos fazer e prazer e algo que SIM devemos sentir.

valdy's disse...

ola garotas obrigada por me visitarem, adorei o blog de vcs, inclusive este texto mt interessante mesmo...
continuem assim,ja esta linkada
bjs

valdy's disse...

ola garotas obrigada por me visitarem, adorei o blog de vcs, inclusive este texto mt interessante mesmo...
continuem assim,ja esta linkada
bjs

Rere disse...

muito bem escrito.
adorei

Silvio Koerich disse...

Tem mulher que odeia oral nelas. Aliás muitas mesmo.

Não entendo.

Carol Dornelles disse...

Será que com o desenho acima, eles ainda vão errar? rsrsrs

Duda disse...

Esse texto...

Que toque especial hein? rs

Beijos meninas, parabéns pelo blog!

Leandro disse...

Bom, quero que saiba primeiramente que é um dos melhores textos, que eu já li pela internet. O que não me agrada é muitas mulheres que eu já tive o prazer de conhecer é de não gostar de fazer as preliminares, principalmente nelas. Engraçado? Acho que não isso se chama cultura opreciva. Eu gosto muito de sexo e não tenho nojo algum de nada. O que eu queria e que as mulheres se entregassem 100% isso faria uma grande diferença para elas.

Marcos Sampaio disse...

Gostaria de saber se isto é um livro..o que O corpo feminino Decifrando esse enigma..muito obrigado...

Blog Widget by LinkWithin
 
Provei e Gostei © 2008. Design by Pocket